logo RCN

Polícia prende homem que atirou em mulher durante Universipraias em Laguna

A prisão ocorreu em Tubarão onde o investigado estaria trabalhando

Policiais da DIC de Laguna cumpriram mandado de prisão preventiva contra um jovem de 26 anos responsável pelos disparos no evento conhecido por Universipraias, realizado em Laguna. Ele teria atirado em uma mulher de 27 anos durante uma discussão na praça Nelson Moreira Netto na madrugada do dia 15 de novembro.

O mandado de prisão foi cumprido nesta quarta-feira, dia 23, no município de Tubarão, local em que o investigado vinha trabalhando. Após isso, buscas foram realizadas em sua residência no município de Capivari de Baixo.

Segundo apurado pelas investigações, de forma consciente e voluntária, o investigado portou uma arma de fogo durante todo o evento de Laguna, gerando perigo de vida a diversas pessoas e estudantes. Ainda, após envolver-se em uma confusão, acabou efetuando disparo de arma de fogo, acentuando ainda mais o perigo gerado por sua conduta.

O pedido de prisão, que partiu do Delegado Juliano Baesso, que à época coordenou as apurações, pautou-se no perigo concreto gerado à sociedade de Laguna, e bem ainda em razão das diversas narrativas infundadas proferidas pelo investigado durante interrogatório realizado, sobretudo quanto ao fortuito encontro e descarte da arma de fogo.
As investigações serão finalizadas no prazo de 10, e o investigado foi encaminhado à Unidade Prisional Avançada de Laguna.
De acordo com informações do portal Agora Laguna, o homem havia se apresentado à polícia há uma semana. Em depoimento prestado no dia, disse que tinha agido em defesa da companheira também envolvida na briga e que a arma usada para atirar foi achada no chão antes da discussão. A pistola teria sido, posteriormente, lançada na lagoa Santo Antônio dos Anjos.
A mulher baleada, Jéssica Aguiar, tem 27 anos e deixou o hospital no último sábado, dia 19. Ela chegou a ficar alguns dias internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e se recupera em casa. O caso é tratado como tentativa de homicídio.


Bandidos quebram vidro de loja e furtam celulares e notebooks no Centro de Tubarão Anterior

Bandidos quebram vidro de loja e furtam celulares e notebooks no Centro de Tubarão

Polícia Civil prende foragido condenado por estupro de vulnerável na região Próximo

Polícia Civil prende foragido condenado por estupro de vulnerável na região

Deixe seu comentário