Quarta-feira, 07 de junho de 2023
Tubarão
28 °C
12 °C
Fechar [x]
Tubarão
28 °C
12 °C
GERAL

“Cheguei a me emocionar”, diz Thiago Jacaré sobre título nacional para a Laje da Jagua

Comissão da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira o título de Capital Nacional da Maior Onda do Brasil para Jaguaruna

Jaguaruna, 24/05/2023 18h00 | Atualizada em 24/05/2023 18h07 | Por: Redação Folha Regional
Lucas Barnis/Divulgação/Folha Regional

Uma dos principais nomes do movimento para tornar a Laje da Jagua reconhecida para além de Jaguaruna, o surfista de ondas grandes Thiago Jacaré comemorou a aprovação do título nacional na tarde desta quarta-feira, dia 24, pela Comissão de Esportes da Câmara dos Deputados.

::: Saiba mais :::

Laje da Jagua recebe título de Capital Nacional da Maior Onda do Brasil

“É o primeiro título de Jaguaruna a nível federal. Cheguei a me emocionar”, comentou o surfista em entrevista à Folha Regional. Thiago lembra que foram anos de luta até a aprovação no dia de hoje, o que exigiu também articulação política, desde os então deputados Ângela e João Amin aos atuais parlamentares Julia Zanatta e Daniel Freitas na Câmara federal.

Para a conquista do título nacional foi preciso a contratação, entre a prefeitura de Jaguaruna e a associação Atow-Inj, de um estudo técnico, elaborado por um oceanógrafo, para comprovar as dimensões gigantescas da Laje da Jagua.

Thiago Jacaré, surfista de ondas grandes
Thiago Jacaré, surfista de ondas grandes

Laje de Jaguaruna: estudo comprova as maiores ondas

O estudo científico foi elaborado pelo oceanógrafo Douglas Duarte Nemes, mestre em sistemas costeiros e oceânicos, doutor em engenharia oceânica e pós-doutor em engenharia costeira. No trabalho ele concluiu: "a Laje de Jaguaruna possui características físicas, geográficas e de alturas de quebra de ondas raras no Brasil, as quais permitem observar neste local ondas maiores do que 10 metros ao longo de todo o ano, além de uma possível onda maior do que 20 metros."

Jacaré também avalia que o título de Capital Nacional da Maior Onda do Brasil deve alavancar o turismo não só em Jaguaruna, mas no Estado. “Para Jaguaruna e Santa Catarina isso é muito importante. Consolida o turismo no Estado”, comemora o surfista.

“Embora haja outros locais com características que permitem a formação de ondas grandes no país, como a Laje da Avalanche (ES) e Laje da Besta (RJ), nenhuma delas conta com ondas grandes durante o ano inteiro, tampouco tem registro de ondas tão altas quanto as da Laje da Jagua”, afirmou a então deputada federal Ângela Amin no projeto que confere ao município de Jaguaruna o título de Capital Nacional da Maior Onda do Brasil.

Há cerca de uma semana a Laje da Jagua e seu potencial turístico foi tema de reunião entre lideranças no governo do Estado. A ideia é tornar o local mais seguro e atrativo para turistas e surfistas. A 5,3 quilômetros da costa da Praia do Arroio Corrente, a Laje da Jagua tem o raro efeito de formar ondas gigantes por conta da formação rochosa submarina.

Folha Regional Web TV

Rua José João Constantino Fernandes, 131, São Clemente - Tubarão/SC - CEP: 88706-091

Folha Regional Web TV © Todos os direitos reservados.
Demand Tecnologia
WhatsApp

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Ok, entendi!